Venda de imóveis cresceu 26% em 2020 e brasileiros pretendem investir mais em imóveis em 2021 – SBR Empreendimentos

Venda de imóveis cresceu 26% em 2020 e brasileiros pretendem investir mais em imóveis em 2021

Segundo a Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (ABRAINC), o desempenho de lançamentos e vendas de imóveis, em 2020, foi o melhor desde 2014. O programa habitacional Casa Verde e Amarela respondeu por 77,8% das vendas. A comercialização de unidades do programa cresceu 39,2%. O volume lançado aumentou 5,8%.

Nas projeções para 2021, o presidente da Abrainc, Luiz Antonio França afirmou, para o Portal G1, que as empresas consultadas pela entidade estimam Valor Geral de Vendas (VGV) 47% maior em 2021 do que no ano passado na comercialização de imóveis. 

 

O movimento cresce à medida em que a rentabilidade se torna mais interessante do que outro investimento como a poupança. Mesmo com a alta recente da taxa Selic em 0,75 ponto, para 3,5% ao ano, os juros continuam relativamente baixos, se comparados ao índice de cinco anos atrás, superior aos 14%.

 

Levantamento divulgado pela Brain Inteligência Estratégica, em março deste ano, atesta a confiança e o interesse que o brasileiro tem pelo imóvel como forma de investimento. O resultado da pesquisa, realizada com seis mil pessoas com renda acima de R$ 10 mil, revelou que 57% daqueles que ainda não possuem imóveis como investimento, desejam fazer uma aquisição com esse objetivo. Do total de futuros investidores, a maioria visa com imóveis obter rentabilidade por meio de aluguéis (54%), um terço quer ter o imóvel como reserva de valor (32%) e apenas 14% querem comprar para revender.

O contexto econômico brasileiro tem se mostrado favorável à aquisição de imóveis como investimento por conta de fatores como taxas de juros mais baixas, inflação baixa, e preços atrativos.

Veja também

Notícia não encontrada

Tenho
Interesse


    Este site usa cookies para fornecer a melhor experiência de navegação para você. Para saber mais, basta visitar nossa Política de Privacidade.
    Aceitar cookies Rejeitar cookies